Campeões das duas primeiras etapas do Sul-Americano confirmam boa fase no Challenger de Rio das Ostras do Circuito Banco do Brasil Vôlei de Praia

12 Ago 2005
Campeões das duas primeiras etapas do Sul-Americano confirmam boa fase no Challenger de Rio das Ostras do Circuito Banco do Brasil Vôlei de Praia

Rio das Ostras, 12/08/2005 - O primeiro dia do torneio principal do Challenger de Rio das Ostras do Circuito Banco do Brasil Vôlei de Praia confirmou a boa fase das duplas Fabinho/Murilo (CE/PE) e Izabel/Érika (PA/RN). Ambas as parcerias venceram dois jogos e estão a uma vitória das semifinais da competição. As equipes estão embaladas pelos títulos das duas primeiras etapas do Circuito Sul-Americano, conquistados nas últimas semanas. Os brasileiros ganharam no Equador e na Colômbia.

Fabinho lembrou as dificuldades que sua dupla teve que superar para começar tão bem nesta sexta-feira. Ele e Murilo chegaram de Bogotá na última terça-feira, passaram um dia com suas famílias e já tiveram que fazer nova viagem para Rio das Ostras. O esforço foi tão grande que o cearense se surpreendeu com o desempenho de sua dupla:

“Agradeci a Deus por termos jogado dessa forma hoje. Achava que a gente sentiria mais o cansaço”, comentou Fabinho, fazendo uma ressalva bem a seu estilo: “Mas não podemos ficar dando desculpas. É como minha sogra diz: depois que inventaram a desculpa ninguém faz mais nada certo”.

Fabinho lembrou que, depois de Rio das Ostras, a dupla vai ficar um tempo sem competir. Por isso, o título seria ainda mais importante para a dupla treinar durante esse período ainda com mais tranqüilidade e alegria.

“Na verdade, queríamos que essa fase continuasse até o fim de nossas carreiras”, exagerou o bem-humorado atleta, lembrando também que a próxima etapa será em sua casa (Fortaleza): “É importante chegarmos embalados até lá porque vou querer me apresentar bem na minha terra”.

Izabel também terminou o dia satisfeita com a atuação de sua equipe. Isso não quer dizer, porém, que ela não tenha detectado erros na parceria. No primeiro jogo, Izabel e Érika derrotaram Camillinha e Isabel Grael (RJ) por 2 a 1, parciais de 12/18, 18/13 e 15/9. No segundo, passaram por Lu/Naiana (RJ/CE) por 2 a 0 (18/15 e 20/18).

“Começamos a primeira partida desconcentradas. Não podemos deixar as adversárias crescerem e não fazermos nosso jogo”, destacou Izabel, que dedicou ao sobrinho Fábio os títulos no Sul-Americano, citando a principal razão, segundo ela, para o bom momento da dupla: “Uma ajuda bastante a outra. E sabemos que, quando a outra briga, é para o bem da equipe”.

Campeãs em Manaus eliminadas

Uma das maiores surpresas do primeiro dia na chave principal foi a eliminação de Andrezza/Mirlena (AM). As amazonenses, campeãs na etapa anterior em Manaus, perderam para Andréia Teixeira/Taiana (SP/CE) e Érica/Luciene (MG), ambos os jogos por 2 a 0, e já deixaram a competição.

Por outro lado, Alexandra/Val (RJ), Mônica Monteiro/Ângela (RS/DF) e Andréia Teixeira/Taiana (SP/CE), além de Izabel e Érika, venceram dois jogos e já estão nas quartas-de-final.

Na mesma situação, na chave masculina, além de Fabinho/Murilo, estão: Ricardo/André (PA/AM), Fábio Guerra/Jorge (RJ/PB) e Guilherme/Moacyr (SC/PE). As partidas seguem amanhã, a partir das 8h30min, na Lagoa de Iriry.

Parceiros Oficiais