Sub-23 feminina volta da Argentina após dois jogos com as donas da casa

07 Ago 2017
Jogos aconteceram na província de Resistência Jogos aconteceram na província de Resistência Créditos: Divulgação/Federação Argentina

O mundial feminino Sub-23 está marcado para começar no dia 10 de setembro na Eslovênia, mas a seleção brasileira da categoria já se prepara para o desafio há quase dois meses. E, neste fim de semana, as meninas, que são comandadas pelo técnico Wagão, foram à Argentina enfrentar a equipe adulta da casa em dois amistosos na província do Chaco, no norte do país. Ao final dos dois confrontos, uma vitória para cada lado.

Na sexta-feira (04.08), jogando em Resitência, as brasileiras levaram a melhor por 3 sets a 0 (25/23, 25/19 e 25/18), com destaque para a ponteira/oposta Ednara, que marcou 16 pontos. No domingo (06.08), as duas equipes jogaram em Villa Angela, e desta vez a vitória ficou com as anfitriãs, que fizeram 3x1 (18/25, 21/25, 25/18 e 25/18). Novamente Ednara foi a melhor em quadra pelo Brasil, com 17 acertos.

“Nós jogamos muito bem no primeiro confronto. Não tínhamos muita informação sobre a equipe argentina, e nem elas tinham informações nossas. No segundo jogo usei outra formação para dar mais rodagem às meninas. Estamos em um momento diferente da nossa preparação do que as argentinas, que já jogaram a segunda divisão do Grand Prix e semana que vem vão para o Sul-Americano. Nossas meninas ainda estão se conhecendo, se entrosando, na segunda partida tivemos uma dificuldade no passe que é reflexo disso. Mesmo assim, o balanço que faço é que foi um bom teste”, avaliou Wagão, técnico da equipe brasileira.

A seleção feminina Sub-23 do Brasil fica de folga até a reapresentação na próxima sexta-feira (11.08). Entre os dias 22 e 24 de agosto a equipe fará uma série de três amistosos com o Dentil/Praia Clube (MG), em Uberlândia (MG). Atual campeão mundial da categoria, o Brasil está no grupo B da competição ao lado de Bulgária, Cuba, Japão, Quênia e Turquia.

DELEGAÇÃO BRASILEIRA NOS AMISTOSOS

Comissão Técnica

1. Técnico - Wagner Coppini (Wagão)

2. Assistente - Guilherme Schmitz

3. Preparador Físico - Marcelo Lorena

4. Fisioterapeuta - Daniel Kan

5. Médico - Rodrigo Vaz

 

Atletas

1. Ednara Bracher

2. Maira Cipriano

3. Bruna Costa

4. Lyara Medeiros

5. Lays Freitas

6. Mayany Souza

7. Lorenne Teixeira

8. Karoline Tormena

9. Gabriela Candido

10. Lais Vasques

11. Nathalia Araujo

12. Sabrina Machado

13. Ingrid Rizzatte

14. Gabriela Rocha

 

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro

Parceiros Oficiais