Praia Clube vence Curitibano e é o campeão da primeira edição

Publicado em: 20/10/2017 18:36
Equipe do Praia Clube comemora a vitória e o título (Créditos: Poliana Serra/FMV)

O Praia Clube entrou para a história do Campeonato Brasileiro Interclubes (CBI). Nesta sexta-feira (20.10), a equipe de Uberlândia, que conta com o espelho de ter uma equipe adulta na Superliga feminina de vôlei, conquistou de forma invicta, e sem perder nenhum set, o título da primeira edição da competição na categoria sub-15 feminino. O campeonato teve início no último domingo (15.10) e aconteceu no Mackeznie Esporte Clube, em Belo Horizonte (MG).

Na tarde desta sexta-feira, o Praia Clube enfrentou o Curitibano e venceu por 3 sets a 0, com parciais de 25/13, 27/25 e 25/20. Antes de chegar a disputa do título, a equipe mineira bateu o BNB Fortaleza por 3 a 0 (25/7, 25/14 e 25/9); depois o Grêmio Náutico União pelo mesmo placar (25/10, 25/18, 25/5); o Santa Mônica com parciais de 25/3, 25/11 e 25/11), e o Minas Tênis Clube também por 3 a 0 (25/16, 25/14 e 25/15). Na semifinal, levou a melhor sobre o Fluminense (13/25, 28/30 e 16/25).

Feliz com o título e com a realização do CBI, a técnico do Praia Clube, Mirtes França, fez questão de elogiar a iniciativa.

“Parabéns a CBV, ao CBC e a Federação Mineira por esse campeonato, que foi único. Assim, temos condições de ver as outras escolas. Aqui, Minas conheceu o jogo do Rio de Janeiro, do Paraná, do Rio Grande do Sul. Foi muito bom para avaliar o nosso trabalho e conseguimos ver que ele está dando frutos. Precisamos cada vez mais dar valor a base porque são essas meninas que vão ser o futuro e a renovação da seleção brasileira”, disse a treinadora campeã.

Pelo lado do Curitibano, Kátia Cordeiro também se disse satisfeita e elogiou a participação do seu time nesta primeira edição de CBI.

“Viemos de um campeonato estadual, onde ficamos em quarto lugar. Chegamos aqui sem saber realmente o que esperar e a minha equipe se portou muito bem. Começamos devagar, depois entramos no ritmo, jogamos contra equipes muito fortes e estamos de parabéns. O Praia tem um time muito homogêneo, forte e que, por ter um clube onde tem equipe de Superliga, eles consigam fazer um trabalho ainda mais forte para chamar atletas”, disse Kátia.

O CBI é realizado pela Confederação Brasileiro de Voleibol (CBV) em parceria com o Comitê Brasileiro de Clubes (CBC) e nesta primeira edição, reuniu 16 equipes na disputa. Outras sete edições ainda acontecerão até o final do ano.

O Campeonato Brasileiro Interclubes ainda conta com as categorias são Sub-15, Sub-16, Sub-18 e Sub-20, no gênero feminino, e Sub-16, Sub-19 e Sub-21 no masculino, e será realizado, neste primeiro ano, até o mês de dezembro.

RESULTADOS

Domingo (15.10) – Primeira rodada

Duque de Caxias 0 x 3 Fluminense (13/25, 10/25 e 8/25)

Olympico 3 x 0 Sada Argos Neev (25/21, 25/22 e 25/23)

Santa Mônica 1 x 3 Grêmio Náutico União (26/24, 18/25, 24/26 e 15/25)

BNB Fortaleza 0 x 3 Praia Clube (7/25, 14/25 e 9/25)

Círculo Militar 0 x 3 Recreio da Juventude (19/25, 21/25 e 19/25)

Minas Tênis Clube 1 x 3 Flamengo (30/32, 18/25, 25/22, 21/25)

Curitibano 3 x 1 Sogipa (25/19, 21/25, 25/22 e 25/19)

Mackenzie 3 x 2 PM Betim (25/22, 25/10, 17/25, 25/27 e 15/8)

Segunda-feira (16.10) – Segunda rodada

Santa Mônica 3 x 1 BNB Fortaleza (19/25, 25/14, 25/13 e 25/18)

Praia Clube 3 x 0 Grêmio Náutico União (25/10, 25/18, 25/5)

Minas Tênis Clube 3 x 2 Recreio da Juventude (18/25, 25/13, 25/18, 29/31 e 15/10)

Círculo Militar 3 x 2 Flamengo (18/25, 25/22, 22/25, 25/14 e 15/8)

Olympico 0 x 3 Fluminense (16/25, 15/25 e 22/25)

Sada Argos Neev 3 x 1 Duque de Caxias (22/25, 20/25, 25/18 e 26/28)

Curitibano 3 x 0 PM Betim (25/20, 25/13 e 25/17)

Mackenzie 3 x 2 Sogipa (22/25, 21/25, 25/19, 25/20 e 15/8)

Terça-feira (17.10) – Terceira rodada

Minas Tênis Clube 3 x 0 Círculo Militar (25/15, 25/19 e 25/15)

Flamengo 1 x 3 Recreio da Juventude (25/10, 23/25, 22/25 e 22/25)

Olympico 3 x 0 Duque de Caxias (25/13, 25/19 e 25/13)

Fluminense 3 x 0 Sada Argos Neev (25/13, 25/16 e 27/25)

Praia Clube 3 x 0 Santa Mônica (25/3, 25/11 e 25/11)

BNB Fortaleza 1 x 3 Grêmio Náutico União (18/25, 21/25, 25/23 e 16/25)

Sogipa 3 x 0 PM Betim (25/14, 25/21 e 25/20)

Mackenzie 1 x 3 Curitibano (25/20, 20/25, 13/25 e 21/25)

Quarta-feira – Quarta rodada

12h – Mackenzie 1 x 3 Fluminense (11/25, 25/22, 14/25 e 11/25)

13h30 – Grêmio Náutico União 0 x 3 Recreio da Juventude (21/25, 22/25 e 11/25)

15h – Praia Clube 3 x 0 Minas Tênis Clube (25/16, 25/14 e 25/15)

16h30 – Curitibano 3 x 0 Olympico (27/25, 25/9 e 27/25)

Quinta-feira – Quinta rodada

10h – Sogipa 3 x 0 Flamengo (25/9, 25/23 e 26/24)

11h30 – Santa Mônica 0 x 3 Sada Argos Neev (15/25, 20/25 e 16/25)

13h – Círculo Militar 3 x 2 PM Betim (25/12, 25/12, 22/25, 19/25 e 15/11)

14h30 – BNB Fortaleza 3 x 0 Duque de Caxias (25/22, 25/23 e 25/12)

Semifinais

16h – Fluminense 0 x 3 Praia Clube (13/25, 28/30 e 16/25)

17h30 – Recreio da Juventude 1 x 3 Curitibano (16/25, 25/16, 22/25 e 17/25)

Sexta-feira – Sexta rodada

Disputa de 7º – 10h – Minas Tênis Clube 3 x 0 Mackenzie E.C. (27/25, 25/17 e 25/20)

Disputa de 5º – 11h30 – Grêmio Náutico União 0 x 3 Olympico Club (25/16, 25/21 e 26/24)

Disputa de 3º – 13h – Fluminense 3 x 0 Recreio da Juventude (25/19, 25/21 e 25/18)

Final – 14h30 – Praia Clube 3 x 0 Curitibano (25/13, 27/25 e 25/20)

CAMPEONATO BRASILEIRO INTERCLUBES

Categoria                            Data                                      Local

Sub-16 Feminino –   15 a 20 de outubro – Clube Mackenzie, Belo Horizonte (MG)

Sub-16 Masculino – 6 a 11 de novembro – Flamengo, Rio de Janeiro (RJ)

Sub-20 Feminino –  13 a 18 de novembro – Clube Bahiano de Tênis, Salvador (BA)

Sub-15 Feminino –  14 a 19 de novembro – Fluminense, Rio de Janeiro (RJ)

Sub-19 Masculino -  28 de novembro a 3 de dezembro – Grêmio Náutico União, Porto Alegre (RS)

Sub-18 Feminino –  28 de novembro a 3 de dezembro -  Olympico Clube, Belo Horizonte (MG)

Sub-21 Masculino – 5 a 10 de dezembro – Tijuca Tênis Clube, Rio de Janeiro (RJ)

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro


Parceiros Oficiais