Etapa de Curitiba (PR) marca retorno de campeãs à elite do vôlei nacional

Publicado em: 04/12/2015 14:48
(Créditos: )

Em Curitiba (PR) - 04.12.2015

A etapa de Curitiba (PR) do Circuito Brasileiro Vôlei de Praia Open 2015/2016, que acontece até o próximo domingo (06.12) no Parque Barigui, conta com dois retornos especiais. Duas craques das areias voltam à elite nacional após longos períodos. A carioca Renata, campeã da temporada 1994, e a paraense Vivian, vencedora do tour em 2008, estão de volta.

Renata decidiu se aposentar ao final de 2012, para cuidar da família e acompanhar o crescimento do filho Felipe. Em 2015, porém, a carioca resolveu retornar ao vôlei de praia. Sem pontos pelo longo período afastada, começou a escalada no Circuito Banco do Brasil Nacional, divisão de acesso, e agora retorna à elite ao lado da parceira Thati.

"Estou muito feliz de estar de volta ao Open, poder jogar com meu filho assistindo é um prazer. Meu objetivo inicial era disputar uma etapa Open somente em 2016, mas consegui antes disso. Thati e eu temos uma química muito boa, apesar de não treinarmos juntas frequentemente. Jogamos felizes. Nosso objetivo agora é continuarmos bem ranqueada, queremos chegar em quinto, mas se der para ‘beliscar’ uma semifinal, vamos ficar felizes", analisou a atleta que representou o Brasil nos Jogos Olímpicos de 2008.

Outra campeã brasileira que está de volta é a paraense Vivian. Campeã da temporada 2008 ao lado de Larissa, substituindo Juliana, que havia lesionado o joelho, ela passou os últimos dois anos no Azerbaijão, mas retorna ao país e buscará pontos para se manter na elite.

Na etapa de Curitiba, a jogadora atua ao lado da cearense Taiana, que já foi sua dupla entre 2011 e 2012. Vivian recebeu um convite da ex-parceira para substituir a carioca Fernanda Berti, que operou o ombro na última semana e ficará um período afastada das competições para se recuperar. A paraense comemorou o reencontro com colegas e adversárias.

"Em primeiro lugar, estou feliz por ter voltado ao meu país, e não o troco por lugar nenhum. Fui para o Azerbaijão, abri mão de tudo aqui para ir para lá. Mas agora voltei, e é isso que importa. Tive que recomeçar da estaca zero, terei que disputar o Nacional, mas estou feliz por jogar no Brasil, estar perto da família e dos amigos. Tive a felicidade de receber o convite da Taiana", destacou Vivian.

Cada dupla campeã de uma etapa do Open soma 400 pontos no ranking da temporada, além de levar para casa um prêmio de R$ 45 mil. Todas as equipes são premiadas, e somando os dois naipes, o torneio distribui mais de R$ 420 mil aos atletas.

SISTEMA DE DISPUTA
O Circuito Brasileiro Open é realizado em quatro dias. Os jogos começam na quinta-feira (03.12), quando as 16 duplas do torneio masculino disputam a primeira fase. Na sexta-feira, (04.12) ocorrem a repescagem (Round 1) e as quartas de final do torneio masculino, assim como a primeira fase e repescagem do torneio feminino.

O sábado (05.12) é reservado para as semifinais, disputa de bronze e final do torneio masculino, além das quartas de final e semifinais do torneio masculino. O domingo (06.12) sedia a disputa de bronze e a final do torneio feminino. As disputas por medalhas em ambos os naipes contam com transmissão do SporTV.

Os primeiros colocados de cada grupo - nos dois naipes - avançam direto às quartas de final, enquanto segundos e terceiros de cada chave disputam o Round 1 (repescagem). Os vencedores das quartas avançam às semifinais.

VEJA A GALERIA DE FOTOS

VEJA OS RESULTADOS DO DIA


Parceiros Oficiais